Especialista em realizar sonhos

Antes da coleta do óvulo

1. Que exames iniciais são requeridos para mim e meu conjugue?

Consulte o protocolo de FIV da BIOS para a lista de todos os exames necessários.
Todas os casais que fazem uma FIV, incluindo seus parceiros são orientados a fazerem obrigatoriamente as seguintes sorologias:


Sorologia para HIV 1 e 2
HbsAg
Anti-HBS
Sorologia para HCV
VDRL



Estes exames sorológicos são obrigatórios e sua positividade exclui temporariamente a paciente do programa até que eles façam uma consulta com um infectologista. Todos estes exames são solicitados com no máximo três meses antes do tratamento. Tais exames devem ficar no arquivo da clínica por um período de pelo menos 5 anos. As pacientes que fizerem IIU também passam por estas sorologias. Outras sorologias são orientadas a serem realizadas mas não são obrigatórias, são elas:

Sorologia para HTLV 1 e 2
Sorologia para rubéola
Sorologia para D. Chagas

A citologia cervical deve ser solicitada caso a paciente não tenha realizado a última há pelo menos dois anos. Não realizamos rotineiramente “swab” cervical para clamídia ou gonococo; sistematicamente fazemos 1g de azitromicina no inicio da indução da ovulação para o casal.

O casal é orientado a drasticamente reduzir ou preferencialmente abolir o uso de cigarros e/ou bebidas alcoólicas durante e tratamento e preferencialmente até 70 dias prévios, que é o tempo que dura a espermatogênese.

Orientamos todas as pacientes a iniciarem o uso diário de 5 mg de ácido fólico desde o início dos exames, motivado pela diminuição na freqüência de defeitos do tubo neural.

A análise do fator uterino é feita por um exame endoscópico da cavidade endometrial, realizado de forma ambulatorial, na fase proliferativa do ciclo menstrual. Achados como miomas submucosos T0 e T1, pólipos endometriais e cervicais, sinéquias, septos indicam um tratamento cirúrgico prévio ao ciclo de FIV. O achado característico de endometrite crônica nos impele a um tratamento de 200mg de doxiciclina por 14 dias para o casal antes do tratamento. A realização da vídeo histeroscopia é portanto mandatória antes da terapia

O fator imunológico não é pesquisado de forma rotineira em casal que fará a primeira tentativa de fertilização “in vitro” no nosso centro. Abrimos uma pespectiva com eles se estivermos diante de uma infertilidade sem causa aparente, mas não colocamos como indispensável ao início da terapia. Em duas situações solicitamos estes exames:


– Falhas repetidas em FIV, principalmente se 1 ou 2 embriões de boa qualidade foram tranferidos.
– Perdas gravídicas de repetição – dois abortamentos espontâneos
– Pacientes com mau passado obstétrico: DHEG grave antes de 34o semana, descolamento placentário, baixo peso ao nascimento, “HELLP SYNDROME” e óbitos fetais imotivados.

2. Moro longe da Clínica BIOS, eu posso ter meus exames iniciais realizados no consultório do meu médico?

Nós preferimos que você os realize todos os exames no nosso centro, aqui você encontrará equipamentos modernos e pessoal especializado,
mas outras opções podem ser feitas se necessário.

3. É necessário que o homem congele uma amostra de sêmen, e isto pode ser feito juntamente com a análise inicial e culturas de sêmen?

Nós não recomendamos que uma amostra de sêmen seja congelado antes da coleta dos óvulos.
Mas em situações em que o homem necessite viajar, situações especias em que exista uma concentração muito baixa de esoermatozoides ou se o espermatozóide for conseguido do epidídimo e/ou testículo seria muito prudente um congelamento prévio.

4. Se eu tenho uma histerossalpingografia (raio-x do útero e trompas) já realizada, preciso repeti-la?

Não, a menos que tenha sido realizada muitos anos antes ou você tenha sido submetida a cirúrgia pélvica após sua primeira histerossalpingografia.
Nós devemos rever os filmes do exame.
5. Como saber que médico que escolhi fará minha coleta de óvulos e a transferência dos meus embriões?

Os médicos constituintes do BIOS trabalham harmoniosamente e em equipe e portanto todos os procedimentos são realizados em conjunto por todos os médicos,
no sentido da melhor assistência possível para a paciente.

6. Como saberei que medicações tomar e quando?

Durante a consulta com o seu médico, ele discutirá com você o melhor protocolo medicamentoso de estimulação.
As prescrições e instruções acerca do uso das medicações serão detalhadas para você.
O médico explicará todos os passos de uso destes medicamentos.
Uma técnica em enfermagem estará disponível para você para a aplicação dos remédios.

7. Que devo fazer se meu primeiro dia do ciclo ocorrer à noite ou fins-de-semana?

Você deve contatar seu médico assistente, ou outro médico da equipe através do telefone celular , para receber as devidas orientações.

8. Eu não sei como tomar as medicações injetáveis. Que devo fazer?

O médico explicará todos os passos de uso destes medicamentos. Uma técnica em enfermagem estará disponível para você para a aplicação dos remédios.